Destaques
 
Alteração do Plano Regional da Água da Região Autónoma dos Açores
 Mais »
Plano de Gestão da Região Hidrográfica Açores 2016-2021
 Mais »
 
Últimos conteúdos
 
Avaliação do estado dos cursos de água n...
Relatório do Estado das Ribeiras dos Aço...
Avaliação Intercalar do Programa de Medi...
Calendário e programa de trabalhos para ...
 
Impacto da Directiva-Quadro da Água em Ilhas - Monitorização de Recursos Hídricos (Flores, Pico, Faial e Corvo)

Resumo do Projecto:
Em regiões insulares, a prossecução de uma política preventiva no domínio dos recursos hídricos assume especial relevo para a articulação, adequada, entre as diferentes utilizações da água com a protecção dos ecossistemas.

As exigências colocadas pela Directiva-Quadro da Água determinaram a necessidade de reestruturação das redes de monitorização da qualidade das águas interiores dos Açores. A calendarização comunitária impõe que até 2006 os programas de monitorização se encontrem operacionais, pelo que o projecto de reestruturação das redes de monitorização foi considerado como de implementação prioritária no quadro programático do Plano Regional da Água da Região Autónoma dos Açores (PRA), aprovado por Decreto Legislativo Regional nº 19/2003/A, de 23 de Fevereiro.

A implementação do projecto de monitorização visa obter um conhecimento técnico e científico de base que permita cumprir as obrigações comunitárias, contudo, a natureza arquipelágica implica o faseamento no tempo e no espaço, pelas diversas ilhas da Região.

Âmbito Geográfico de Intervenção:
Região Autónoma dos Açores – ilhas das Flores, Pico, Faial e Corvo

Objectivos do Projecto:
O projecto tem como objectivo básico a realização de actividades de monitorização de recursos hídricos, de acordo com os requisitos constantes na Directiva-Quadro da Água.

Objectivos Gerais:
• Apoio à gestão da água com vista à sua utilização sustentável;
• Aprofundar o conhecimento técnico e científico sobre recursos hídricos;
• Cumprimento do normativo nacional e comunitário;
• Desenvolvimento de um Sistema Regional de Informação sobre Recursos Hídricos (SRIRH);
• Disponibilizar informação, contínua e actualizada, aos cidadãos e entidades interessadas nas diversas vertentes da gestão integrada dos recursos hídricos.

Objectivos Específicos:
• Identificação e classificação de áreas homogéneas para cada tipo de massa de água (ecótipos);
• Primeira definição de condições de referência para cada tipo de ecótipo;
• Classificação ecológica das massas de água;
• Avaliação do impacte das actividades antropogénicas;
• Caracterização quantitativa para acompanhamento temporal e espacial das disponibilidades hídricas;
• Informação de base que possibilite a execução de estudos hidrológicos;
• Elaboração de programas de monitorização decorrentes da caracterização inicial dos meios hídricos;
• Informação que permita avaliar a eficácia da implementação dos planos de ilha de gestão de recursos hídricos;
• Disponibilizar mecanismos de controlo e gestão, em tempo real, dos recursos hídricos;
• Publicação de livro temático.

Descrição Técnica:
O projecto compõe-se de 4 fases, a realizar consecutivamente, embora se preveja que algumas se possam efectuar ao mesmo tempo.

Fase 1 – Realização de campanhas de amostragem
No decurso desta fase serão efectuadas 5 campanhas de amostragem nas ilhas das Flores, Pico, Faial e Corvo, visando a determinação de parâmetros físico-químicos e biológicos (microbiologia, fauna, flora) em laboratórios de referência. Previamente serão, ainda, executados alguns trabalhos, nomeadamente: (1) caracterização de massas de água de superfície e subterrâneas e, (2) definição da rede de amostragem e listagem dos parâmetros a monitorizar.

Fase 2 – Realização de determinações analíticas
Diversas metodologias de análise serão aplicadas ao longo desta Fase. Para os doseamentos analíticos efectuados serão utilizados métodos de referência nacionais e internacionais.

Fase 3 – Classificação do estado químico e ecológico das massas de água
Com base nos resultados obtidos nas Fases 1 e 2 será efectuada a classificação dos estados químico e ecológico das massas de água de superfície e subterrâneas, de acordo com a definição da Directiva-Quadro da Água.

Fase 4 – Divulgação de Resultados
Na medida que a informação ao público constitui uma pedra basilar da gestão da água, pretende-se com esta última fase divulgar os resultados obtidos, nomeadamente por intermédio de: (i) criação de página WEB para publicação dos resultados obtidos e, (ii) publicação de livro sobre as massas de água lênticas dos Açores.


Numero de Visitantes
  2471524  
Pesquisa
 
 
Zonas
 

Açores
Corvo
Faial
Flores
Graciosa
Pico
Santa Maria
São Jorge
São Miguel
Terceira

 

  











 

HOMEPLANEAMENTOGESTÃOLICENCIAMENTOMONITORIZAÇÃOPROJETOSSISTEMAS DE INFORMAÇÃOLEGISLAÇÃOPUBLICAÇÕESCONTACTOS

©2004-2019 Presidência do Governo dos Açores
Todos os Direitos Reservados

Portal do Governo dos Açores
Governo Regional dos Açores  UE