REDE  |  MEDIA
Pesquisa
 
 

 
 
 
 
 
 
    

  JOVENS COM FUTURO 

PROGRAMAS EUROPEUS
<Novembro de 2017>
segterquaquisexsábdom
303112345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930123
45678910
Destaques
 
6º LABJOVEM - Concurso de Jovens Artistas dos Açores - inscrições abertas
 Mais »
Cartão Interjovem 2017 com várias novidades
 Mais »
Já conheces a rede Eurodesk?
 Mais »
Liga-te à TVJ! Web TV da Direção Regional Juventude
 Mais »
 

Ponta Delgada 29-09-2017

Programas desportivos de intervenção psicossocial contribuem para aumentar participação escolar, afirma Andreia Cardoso


A Secretária Regional da Solidariedade Social destacou hoje, em Ponta Delgada, o “potencial" que a participação em programas desportivos de intervenção psicossocial tem para "influenciar positivamente a participação escolar, assim como os comportamentos dos jovens em ambiente doméstico”.
 
Andreia Cardoso falava na abertura do seminário 'Equipa-te', que culminou o projeto com o mesmo nome, que visou identificar, apoiar e formar jovens, dos 13 aos 18 anos, em situação de exclusão e risco, envolvendo-os em atividades desportivas como forma de prevenir a incidência em comportamentos desviantes.
 
Este projeto foi desenvolvido pela Associação de Promoção de Públicos Jovens (APPJ), em parceria com o Sporting Clube Ideal, tendo decorrido ao longo de cerca de um ano e meio na cidade da Ribeira Grande, em São Miguel.
 
“O Governo dos Açores apoiou este projeto da APPJ indo além do simples papel de entidade financiadora, assumindo-se como uma entidade parceira desta iniciativa, o que manifesta uma aposta clara no desporto, como instrumento fundamental para a inclusão social dos jovens”, frisou Andreia Cardoso na sua intervenção nesta sessão, que contou também com a presença do Secretário Regional Adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares, Berto Messias, que tem a tutela da juventude.
 
Andreia Cardoso salientou que o desporto, "cada vez mais, tem vindo a ser encarado como uma oportunidade de envolver ativamente os jovens num ambiente de lazer, não apenas em termos de participação nas atividades desportivas ditas competitivas, mas numa variedade de matérias, incluindo a educação, o emprego, a liderança comunitária e os estilos de vida saudáveis”.
 
A Secretária Regional frisou que “as atividades desportivas contribuem para aumentar a resiliência das crianças e jovens, facilitando a estabilização social e emocional, ao mesmo tempo que proporcionam aquisição de novas competências e aptidões”.
 
Andreia Cardoso realçou o “papel fundamental dos treinadores e dinamizadores no apoio psicológico a estes jovens”, uma vez que se “constituem como adultos confiáveis com quem os jovens, os pais e os restantes membros da comunidade constroem relações significativas, elemento crucial no acompanhamento psicossocial”.
 
Para a Secretária Regional, o desporto “trabalha para melhorar a inclusão e o bem-estar dos jovens de duas formas: alterando as comunidades e alterando o que os jovens que exibem comportamentos disruptivos pensem e sentem sobre si próprios”, ajudando a “reduzir o estigma e a discriminação associadas aos desvios comportamentais ou situações de vulnerabilidade, capacitando os jovens para reconhecer o seu próprio potencial, fomentando mudanças na sociedade”.
 
O projeto 'Equipa-te' envolveu, no total, mais de 230 jovens em atividades enquadradas por uma equipa multidisciplinar de oito profissionais.

SOM


    
Segue-nos:      
Avisos legais -

 

PRINCIPALNOTÍCIASPROGRAMAS DRJLEGISLAÇÃOCANDIDATURASCONTACTOSLIGAÇÕES ÚTEIS

©2004-2017 Presidência do Governo dos Açores
Todos os Direitos Reservados

Portal do Governo dos Açores
Governo Regional dos Açores  UE