principal
Presidente
Governo Regional
Espaço Cidadão
Espaço Empresas
Sobre os Açores
  notícias Legislação Agenda fotos Contactos Mapa do Portal Ajuda
English VersionCHANGE LANGUAGE
Ver Em: entidades  temas
 

Presidência do Governo
Vice-Presidência do Governo, Emprego e Competitividade Empresarial
Secretaria Regional da Solidariedade Social
Secretaria Regional da Educação e Cultura
Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia
Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas
Secretaria Regional da Saúde
Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo
Secretaria Regional da Agricultura e Florestas

 
Comunicação Social
      

Receba as notícias do Governo dos Açores por RSS - clique aqui 

Ponta Delgada , 14 de Outubro de 2019

Diretor Regional do Ambiente salienta importância da transição da economia linear para um modelo circular de negócios

O Diretor Regional do Ambiente afirmou que “é preciso apostar numa nova tendência de gestão de recursos e dos negócios”, promovendo a ”transição da economia linear para um modelo circular de produção de bens e serviços”, no qual os materiais retornam ao ciclo produtivo ou à natureza, transformando os resíduos em potenciais subprodutos ou em outros materiais, para além da “reutilização, recuperação e reciclagem”.

 

“Um modelo de economia circular onde os ciclos de vida dos produtos são otimizados, desde a conceção e desenho, ao processo de produção, aos consumos e à gestão dos resíduos que não foi possível deixar de produzir”, salientou Hernâni Jorge, que falava na sessão 'Como reduzir a pegada ecológica?', no âmbito das sessões de educação para a cidadania promovidas pela Câmara Municipal da Lagoa, reforçando que os verbos da atualidade são “refletir, reduzir, reutilizar, reparar e reciclar”.

 

“As nossas ações e, sobretudo, os nossos hábitos de consumo causam impactos no planeta, pelo que é fundamental termos consciência disso e potenciarmos boas práticas”, sublinhou.

 

Segundo o Diretor Regional, não adquirir produtos que tenham impactos significativos sobre os recursos e o ambiente, evitar o desperdício, dar uma segunda vida aos materiais e reciclar são alguns exemplos de hábitos que devem ser implementados no dia-a-dia de todos.

 

“A pegada ecológica é o resultado da pressão humana sobre o planeta, o impacto do nosso modo de vida na natureza, ou seja, aquilo que uma pessoa ou a sociedade necessita para responder aos hábitos e exigências quotidianas”, referiu.

 

Na sua intervenção, Hernâni Jorge afirmou que já existe uma “vontade de fazer mais e melhor” para reduzir a pegada ecológica nos Açores, para que a Região possa vencer “os desafios da sustentabilidade”.

 

O Diretor Regional apontou o que tem sido feito para reduzir a pegada ecológica no arquipélago, desde logo com a existência da Rede de Áreas Protegidas dos Açores ou a implementação de políticas públicas de conservação da natureza, nomeadamente com os vários projetos LIFE a decorrer no arquipélago (Azores Natura, Vidália e Beetles), que correspondem a um investimento global de mais de 22 milhões de euros, e todo o investimento na redução da produção e tratamento de resíduos.

 

Neste contexto, o Diretor Regional aludiu também às diversas ações de sensibilização, através da Semana dos Resíduos, das campanhas dirigidas para as festas de verão ou Natal, 'Diga não aos plásticos descartáveis' e 'Açores sem palhinhas', de medidas de reutilização de têxteis, de redução do desperdício alimentar e separação dos resíduos e do consumo de sacos de plástico, bem como na diferenciação das tarifas aplicáveis aos sistemas municipais de recolha, em função das quantidades recolhidas seletivamente.

GaCS/HMB
 
 
 
 
     
   Folha de Impressão   Enviar Enviar Notícia   GaCS Site do GaCS   Órgãos de Comunicação Social Órgãos de Comunicação Social   rss  
     

Últimas Notícias

Agenda do Governo Regional dos Açores para 12 e 13 de dezembro

Certificação do Matadouro do Faial pela norma da segurança alimentar é mais um contributo para a valorização da carne dos Açores, afirma João Ponte

Projeto Hexagone reforça dinâmicas de cooperação territorial até 2022, afirma Diretora Regional dos Assuntos Europeus

Miradouros na Graciosa com investimento em curso de cerca de 250 mil euros

Andreia Cardoso afirma que é na família que está "o cerne da garantia dos direitos e da proteção das crianças”



<< voltar

Pesquisa
 
Onde?
Pesquisa Avançada >>
 
 


 

 

  

 
 


 
Jornal Oficial
Programa de Governo
Açores 2020
 PROMEDIA 2020
 O Governo dos Açores mais perto de si - clique para enviar e-mail
Roteiro AP
 Linha Verde Apoio ao Cidadão
 
Provedor do Utente da Saúde
 
  
Ouvir Esta Página OUVIR
Ir para o topo desta página TOPO
ajuda AJUDA
English VersionCHANGE LANGUAGE

 
Símbolo de Acessibilidade à Web
principal | Presidente | Governo Regional | Espaço Cidadão | Espaço Empresas | Sobre os Açores | O Meu Portal