principal
Presidente
Governo Regional
Espaço Cidadão
Espaço Empresas
Sobre os Açores
  notícias Legislação Agenda fotos Contactos Mapa do Portal Ajuda
English VersionCHANGE LANGUAGE
Ver Em: entidades  temas
 

Presidência do Governo
Vice-Presidência do Governo, Emprego e Competitividade Empresarial
Secretaria Regional da Solidariedade Social
Secretaria Regional da Educação e Cultura
Secretaria Regional do Mar, Ciência e Tecnologia
Secretaria Regional dos Transportes e Obras Públicas
Secretaria Regional da Saúde
Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo
Secretaria Regional da Agricultura e Florestas

 
Comunicação Social
      

Receba as notícias do Governo dos Açores por RSS - clique aqui 

Ribeira Grande , 22 de Abril de 2019

Não faz sentido subsidiar abate de vacas leiteiras, afirma João Ponte

O Secretário Regional da Agricultura e Florestas afirmou hoje, em São Miguel, que o abate de bovinos nos Açores é uma decisão individual de cada produtor.

 

No que diz respeito à criação de subsídios públicos para o abate, João Ponte salientou que, “para o Governo Regional, não faz sentido pagar para reduzir os efetivos bovinos nas explorações leiteiras”, alegando que não cabe ao Executivo subsidiar o abate de bovinos, salvo em questões sanitárias.

 

O governante, que falava à margem de uma reunião com o Presidente da Federação Agrícola dos Açores, referiu que este tipo de decisão compete, como sempre competiu, a cada agricultor, retirando o mesmo o rendimento originado pela carcaça e dependendo da gestão que faz e do contrato de produção de leite com a respetiva indústria.

 

Além disso, João Ponte revelou que, anualmente, todas as explorações abatem entre 18 a 22% do total de vacas leiteiras para renovação normal do seu efetivo.

 

Apesar da posição do Governo, João Ponte destacou que tal não impede que estejam a ser trabalhadas, em conjunto com a Federação Agrícola dos Açores, medidas no âmbito das propostas de alteração que serão apresentadas para o POSEI 2020, que permitem reduzir o número de vacas leiteiras, mantendo-se, contudo, o mesmo nível de apoio comunitário.

 

“O que está em cima da mesa neste momento é a possibilidade de se reduzir até 20% do efetivo, mantendo-se os mesmos montantes da ajuda à vaca leiteira e prémio aos produtores de leite”, afirmou João Ponte, acrescentando que a proposta já foi apresentada à Unidade de Gestão do POSEI, da Comissão Europeia, que manifestou total abertura à concretização desta proposta, que produzirá efeito a 1 de janeiro de 2020.

GaCS/RM
 
 
  17.1956.jpg
 
     
   Folha de Impressão   Enviar Enviar Notícia   GaCS Site do GaCS   Órgãos de Comunicação Social Órgãos de Comunicação Social   rss  
     

Últimas Notícias

Agenda do Governo Regional dos Açores para 25 e 26 de maio

Governo dos Açores disponibiliza aplicações de consulta dos resultados, dos candidatos e dos locais de voto das eleições para o Parlamento Europeu

Direção Regional da Cultura assina protocolo de colaboração com o Regimento de Guarnição N.º 1

Governo dos Açores avança com investimento de 450 mil euros para beneficiação de caminhos na ilha Terceira

Programa ‘Casa Renovada, Casa Habitada’ publicado hoje em Diário da República



<< voltar

Pesquisa
 
Onde?
Pesquisa Avançada >>
 
 

 

  



Casa da Autonomia
Jornal Oficial
Programa de Governo
Açores 2020
 PROMEDIA 2020
 O Governo dos Açores mais perto de si - clique para enviar e-mail
Roteiro AP
 Linha Verde Apoio ao Cidadão
 
Rede Prestige Azores
 Provedor do Utente da Saúde
  
Ouvir Esta Página OUVIR
Ir para o topo desta página TOPO
ajuda AJUDA
English VersionCHANGE LANGUAGE

 
Símbolo de Acessibilidade à Web
principal | Presidente | Governo Regional | Espaço Cidadão | Espaço Empresas | Sobre os Açores | O Meu Portal