Áreas Protegidas  |  Rede Natura 2000  |  Património Mundial UNESCO  |  Reservas da Biosfera  |  Geoparque Açores  |  RAMSAR  |  Envolvimento Internacional  |  Espécies e Habitats



Destaques
 
Parques Naturais dos Açores
 Mais »
Plano Setorial da Rede Natura 2000
 Mais »
 
Últimos conteúdos
 
Conclusão Planos de Gestão Faial, Pico e...
Diretor Regional do Ambiente defende dis...
Parques Naturais dos Açores assinalam Di...
Vigilante da Natureza Júnior dos Açores ...
 

Ponta Delgada 02-05-2014

Luís Neto Viveiros congratula-se com distinção internacional do projeto LIFE Ilhas Santuário para as Aves Marinhas


O Secretário Regional dos Recursos Naturais congratulou-se hoje com a distinção, pela Comissão Europeia, do projeto LIFE Ilhas Santuário para as Aves Marinhas como 'Best LIFE' de 2013.

“A Comissão Europeia avalia anualmente os projetos financiados pelo programa LIFE concluídos no ano anterior e os Açores voltam a ter um projeto distinguido como um dos melhores a nível europeu, depois do LIFE Priolo ter sido selecionado como 'Best of Best LIFE' em 2009,” afirmou Luís Neto Viveiros.

Nas ilhas do arquipélago dos Açores nidificavam milhões de aves mas, ao longo do tempo, a maioria dessas colónias diminuiu drasticamente, não só devido à destruição dos habitats costeiros, mas também pela introdução de predadores e vegetação exótica invasora.

O projeto agora distinguido, coordenado pela Sociedade portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA) em parceria com o Governo dos Açores, Royal Society for the Protection of Birds e Câmara Municipal do Corvo, desenvolveu um plano para a conservação de colónias no Corvo e no Ilhéu de Vila Franca do Campo, em São Miguel.

Este projeto, implementado a partir de 2009, procedeu à execução de ações ao nível da restauração de habitat e controlo e erradicação de espécies exóticas invasoras, mas também de educação ambiental e de desenvolvimento de metodologias de monitorização e investigação.

O LIFE Ilhas Santuário para as Aves Marinhas foi também um projeto pioneiro na construção de uma vedação à prova de predadores na Europa, concretizada no Corvo, depois de experiências bem-sucedidas nas ilhas havaianas e na Nova Zelândia.

Como parte integrante da estratégia de implementação do projeto, foram realizados diversos testes que avaliam as hipóteses de fazer do Corvo uma ilha livre de espécies invasoras, plantas ou animais.

Desta forma, pretende-se conseguir benefícios não só para a conservação das aves marinhas, mas também para a população, nomeadamente ao nível do desenvolvimento do turismo de natureza e da redução de riscos para a saúde humana e para a agricultura, através da eliminação de ratos e de plantas invasoras.

A continuidade do projeto tem sido assegurada através da implementação de um plano desenvolvido em parceria pela SPEA, Governo dos Açores, Parque Natural de Ilha e Câmara Municipal do Corvo.

Autor: GaCS/OG

Numero de Visitantes
  745778  
Zonas
 

Açores
Corvo
Faial
Flores
Graciosa
Pico
Santa Maria
São Jorge
São Miguel
Terceira

 





 
 
 

  




 

HOMEQUEM SOMOSPROJETOS E AÇÕESCAMPANHASLEGISLAÇÃOLINKSCONTACTOSFORMULÁRIOS ONLINE

©2004-2019 Presidência do Governo dos Açores
Todos os Direitos Reservados

Portal do Governo dos Açores
Governo Regional dos Açores  UE