Instrumentos Gestão  |  Licenciamentos  |  Domínio Público Marítimo  |  Intervenções  |  Atividades Marítimas  |  Zonas Balneares  |  Quality Coast  |  Biodiversidade Marinha  |  Áreas Marinhas







 

Contas de Gerência


Contratação Pública




Destaques
 
Águas Balneares | Açores 2014
 Mais »
Parque Marinho dos Açores
 Mais »
 
Últimos conteúdos
 
23 outubro 2019
Em Consulta Pública: Avaliação do estado...
Consulta Pública das águas balneares a i...
Contratação Pública
 

Açores 04-05-2012

Este ano há mais praias com bandeira azul


Número subiu no Norte, Centro, Tejo e Alentejo e desceu no Algarve, nos Açores e na Madeira.

Portugal tem este ano 275 praias com Bandeira Azul, mais quatro do que em 2011, revelou a associação que atribui esta distinção da qualidade das zonas balneares.

Segundo dados da Associação Bandeira Azul da Europa, divulgados numa conferência de imprensa em Lisboa e citados pela Lusa, o número de Bandeiras Azuis atribuídas subiu nas regiões do Norte, do Centro, do Tejo e do Alentejo e desceu no Algarve, nos Açores e na Madeira.

A região Norte tem este ano 67 praias com Bandeira Azul (mais quatro do que em 2011), o Centro tem 23 praias (mais cinco), o Tejo 49 (mais quatro) e o Alentejo 24 praias (mais duas).

No Algarve, 69 praias mereceram a distinção da Bandeira Azul, menos cinco do que no ano passado.

Os Açores têm 33 praias (menos uma do que em 2011) com a qualidade da Bandeira Azul e a Madeira 11 praias (menos cinco do que no ano passado).

A Bandeira Azul vai ser hasteada ainda em 14 marinas, quatro das quais nos Açores, outras quatro no Algarve, três no Alentejo, duas no Tejo e uma na Madeira.

«Há 25 anos tínhamos 30 praias com Bandeira Azul, este ano temos 275», salientou José Archer. O presidente da Associação Bandeira Azul referiu, citado pela agência Lusa, que estes resultados decorrem do «trabalho que tem sido feito, de gerações de educação e de alteração de comportamentos».

A descida de bandeiras azuis no Algarve deve-se, sobretudo, à «falta de condições de segurança das praias», que necessitam de algumas intervenções para que voltem a merecer o galardão.

«São praias com zonas seguras, mas são praias que, sobretudo na maré-alta, têm condições de areal muito reduzidas e, por isso, as pessoas tendencialmente encostam-se à arriba, o que limita a sua segurança», explicou José Archer.

 

Autor: TVI24

Numero de Visitantes
  777675  
Zonas
 

Açores
Corvo
Faial
Flores
Graciosa
Pico
Santa Maria
São Jorge
São Miguel
Terceira

 
  

  










       

 

HOMEMISSÃOPROGRAMAS E AÇÕESLEGISLAÇÃOEVENTOSLINKSCONTACTOSFORMULÁRIOS ONLINE

©2004-2019 Presidência do Governo dos Açores
Todos os Direitos Reservados

Portal do Governo dos Açores
Governo Regional dos Açores  UE